O chato do marido da melhor amiga da minha mulher

Ao contrário do que acontece entre as mulheres de melhores amigos, os consortes, namorados ou maridos de melhores amigas precisam ter uma relação maior do que simples civilidade. É preciso encontrar pontos em comum, simpatias e identificações que permitam um mínimo de amizade. Afinal, ao contrário do que acontece com as mulheres de melhores amigos, […]

Lidando com a Maré

Hoje parecia até um dia daqueles. Sabe? Um daqueles dias que a gente nem ousa falar o nome. Um dia de (bate na madeira) falta daquilo ou excesso daquilo outro. Entendeu, né? Um dia que a gente preferia esquecer. Fila, falta de dinheiro, confusão, congestionamento; negócios não fechados, promessas não cumpridas; chuva quando estamos na […]

A Gata Comeu e a crise da Tele dramaturgia brasileira

Tenho uma ligação afetiva com a Gata Comeu. Na primeira exibição em 1985, eu tinha 11 anos e, como toda criança, queria fazer parte do clube dos Curumins. Apesar dessa atração infantil, estranhamente me interessava por quase todos os outros personagens. As suas histórias eram tão memoráveis e suas características tão marcantes que durante anos […]

Por que não estou indignado

Pelo que me dizem, o povo está indignado. Ouço pedaços de conversas nos botequins, leio bravatas na internet, vejo as manchetes nos tabloides e assisto a declarações nos telejornais. In-dig-na-ção. Por toda a parte. Como puderam roubar TANTO? Como fizeram isso com A GENTE? Como traíram a NOSSA confiança? Entendo o sentimento, mas não consigo […]

Trainspotting 2 e a maldição do filme sobre a meia-idade

Saí de T2: Trainspotting com um gosto amargo na boca. Não, o filme não é ruim. É óbvio, não consegue captar o brilhantismo visual do primeiro, que 20 anos depois já ficou ultrapassado; nem a mensagem, hoje repetida à exaustão, surpreende, apesar de manter a sua força. Os problemas não foram esses. O principal problema […]

Billions e a brincadeira de Mau

Quase toda a noite, perto da hora de dormir, a minha filha quer brincar de Mau. Conhece? Não?! É assim que ela explica: – Eu sou o Bom. Eu vou pegar um brinquedo e finjo que vou dormir. Aí você é o Mau e tira o meu brinquedo. Depois eu sou o Mau. É uma […]