Um segundo turno no Divã

Agora que o primeiro turno já está no seu final, acho que temos uma boa e triste ideia do que teremos para o segundo. Confesso, que , mesmo depois de tantas idas e vindas, tragédias e comédias, não estou surpreso; apenas frustrado. Não porque tivesse um candidato de minha predileção. Não tinha. Não tenho. Sim, […]

Leve-nos a seu (candidato) a líder

Agora que a Copa do Mundo terminou, somos obrigados a voltar a realidade e encarar a triste missão de eleger presidentes, governadores e parlamentares. Não sei se vocês tem certeza do que vão fazer, mas daqui do meu lado, confesso, as coisas estão bem difíceis. Óbvio que tem os eticamente inelegíveis e surpreendentemente populares em […]

Meu último tweet

Confesso que estou surpreso. Depois que saí do Facebook em 2012, sempre considerei o twitter um recanto de paz. Poucas pessoas; papos construtivos e bem humorados;, referências interessantes; um lugar onde se estar. Infelizmente, nos últimos tempos comecei a ver um afluxo de caras conhecidas e o clima meio que começou a mudar. Numa aparente […]

Whats app de Posição, Whats app de Interesse

Ano passado completei 25 anos de formado no segundo grau. Um amigo com o qual ainda mantenho contato conseguiu mobilizar quase a turma toda para um churrasco de comemoração. Por mais que sentisse que não tivesse nada a comemorar, achei que era uma boa oportunidade para rever alguns amigos queridos que o tempo fez questão […]

Um lembrete pra mim mesmo sobre Belo Horizonte

Pode ser um exagero dizer isso, mas a minha clara impressão, nos quatro anos e meio como morador, é que Belo Horizonte é uma cidade mal amada. Não por que lhe faltem admiradores. Muito pelo contrário. Pelas ruas não é díficil ver pessoas vestindo camisas com os dizeres “Amo BH Radicalmente” ou proclamando seu amor pela cidade de forma […]

Memento Mori

Diz a lenda que quando um general romano voltava pra capital do império coberto de glórias, durante a parada triunfal realizada em sua homenagem, um escravo ficava ao seu lado sussurrando em seu ouvido: “memento mori… memento mori…“. Não consigo ver os políticos, pseudo intelectuais e celebridades, bazofiando seu poder e suas vitórias ilusórias na […]