Ir ao conteúdo

Só temos exércitos, e polícias, para nos proteger de outros grupos violentos, internos ou externos, que não jogam pelas regras do conflito argumentativo. Essencialmente, nos tornamos reféns voluntários de um grupo ao qual damos treinamento e equipamentos voltados a provocar a morte pois tememos que venham nos fazer o que esse exército em breve fará conosco se não cedermos aos seus pedidos de suborno. Cadê você, monolito, pra nos transformar em crianças das estrelas e nos livrar dessa herança maldita?

Seja o primeiro a comentar

Fala aí

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.